Oração da Imaculada Conceição



Ó Maria, lírio imaculado de pureza, eu me congratulo com a senhora, porque desde o primeiro instante da tua Conceição foi cheia de graça e, além disso, te foi conferido o perfeito uso da razão.

Dou graças e adoro a Santíssima Trindade que te concedeu tão sublimes dons; e me confundo totalmente na tua presença ao ver-me tão pobre de graças;

A senhora que de graças celestes foi tão copiosamente enriquecida repartes com a minha alma e fazei-me participante dos tesouros que começastes a possuir em Tua Imaculada Conceição.

Virgem Puríssima, concebida sem pecado e desde aquele primeiro instante toda bela e sem mancha.

Gloriosa Maria, cheia de graça, Mãe de Deus, Rainha dos Anjos e dos homens.

Saúdo-te humildemente como Mãe do meu Salvador que, com aquela estima, respeito e submissão com que a senhora tratava, ensinou-me quais sejam as honras e a veneração que devo prestar-te.

Digna-te, eu rogo à Senhora:

[digite aqui o seu pedido, ou pense firmemente, caso apenas reze]

A Senhora é o seguro asilo dos pecadores penitentes e assim tenho razão para recorrer a Tu. És Mãe de misericórdia e por este título não podes deixar de enternecer-te à vista das minhas misérias.

És, depois de Jesus Cristo, toda a minha esperança, e por esta razão não podes deixar de reconhecer a terna confiança que tenho na Senhora.

Faze-me digno de chamar-me de Teu filho, para que possa confiadamente dizer-te: mostrai que és minha Mãe!

Assim seja! Amém!!!

Comentários